Vamos imaginar nosso cérebro como nossa central de comando que dirige pensamento e ação.

Na escola aprendemos regras e princípios, presumindo padrões e regularidade.

Na vida aprendemos que não temos a menor idéia do que vai acontecer amanhã.

Como lidar com isso?

Não somos educados para pensar criativamente.

Somos preparados para não errar, para não assumir riscos.

Vem aí um depoimento que alerta: “Criatividade hoje é tão importante como a alfabetização” (Ken Robinson, Autor do Livro “The Element”).

Os produtos e serviços das empresas acabam ficando cada vez mais parecidos (commodity).

Bruce Henderson, fundador de uma das mais rentáveis empresas de consultoria do mundo, a BSG, dizia: ”Seus competidores mais perigosos são os que mais se parecem com você”.

Portanto, quem faz a diferença entre você e seus competidores são as pessoas, menos seu conhecimento, mais seu comportamento – aqui a disposição para pensar criativamente.

A vantagem competitiva nasce no lado direito do cérebro, no somatório ativando do cérebro das pessoas – portanto incentive a interatividade criativa, multidisciplinar e colaborativa – ou seja, co-criativa.

Empresas de sucesso na gestão empresarial estão praticando o Design Thinking, uma metodologia de solução de problemas não linear, que usa as habilidades dos dois (!) lados do cérebro: o ladro esquerdo para mapear um problema, o lado direito para desenvolver idéias.

Porque não testar?

Para tirar dúvidas

fale com wkprisma@wkprisma.com.br

 ou visite www.wkprisma.com.br

 

 

Tags: , , ,

Veja Também:

Por favor, Deixe um comentário aqui !

BlogBlogs.Com.Br

BlogBlogs.Com.Br